“Belchior tinha razão”, sobre a nova música do Emicida

“Presentemente eu posso me considerar um sujeito de sorte
Porque apesar de muito moço, me sinto são e salvo e forte
E tenho comigo pensado: Deus é brasileiro e anda do meu lado
E assim já não posso sofrer no ano passado
Tenho sangrado demais, tenho chorado pra cachorro
Ano passado eu morri, mas esse ano eu não morro
Tenho sangrado demais, tenho chorado pra cachorro
Ano passado eu morri, mas esse ano eu não morro
Ano passado eu morri, mas esse ano eu não morro
Ano passado eu morri, mas esse ano eu não morro”, canta Belchior, no disco Alucinação, de 1976.

Essa música foi meu hino nos últimos dois anos, ela me salvou muitas vezes e cada nova vez que essas frases tocam meus ouvidos, me salvam um pouquinho mais.

Quando você lida com a depressão, quando passa meses e meses tomando o mesmo remédio sem presenciar mudança alguma, coisas inesperadas podem te salvar, uma palavra amiga, uma noticia boa, ou muito mais simples que isso, uma frase lida da internet em um daqueles textões, uma palavra solta pichada no muro, ou uma música qualquer. Às vezes é raso, aquilo meche com você por alguns segundos e depois já era, você está de volta a escuridão. Mas outras vezes, você tem a sorte de ouvir uma música que te estende a mão tão fundo, que te resgata, é arrebatador. De arrepiar. Assim é para mim, Sujeito de Sorte, do Belchior, e assim foi hoje quando ouvi Emicida, Majur e Pabllo Vittar cantando AmarElo pela primeira vez, a música chegou aos meus ouvidos como um grito de dor, resistência e esperança. Meu hino foi renovado.

Semáforo amarelo

Amarelo

A cor amarela significa luz, calor, criatividade, otimismo e alegria, mas nos semáforos recomenda alerta e atenção. Assim também pede a música do Emicida, atenção ao fato de que somos maiores que nossos problemas, independentes de quais eles sejam, devemos sempre acreditar em nós mesmos e na luta para que nossa voz fale mais alto que nossas cicatrizes. No fim, em meio a lagrimas e suspiros, recebi o gás que faltava para enfrentar esse segundo semestre de 2019, e já decretei essa como a música do ano.

E você, já ouviu a música e assistiu o vídeo com esse feat incrível? Me conta aqui o que achou.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.